A ATUAÇÃO DA POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA NO ATLÂNTICO SUL (2003-2010): INTERESSES, CONFLITOS E COOPERAÇÃO COM A ÁFRICA

Autores

  • WILLIAM CÉSAR REGUEIRA DA SILVA FACULDADE DAMAS DA INSTRUÇÃO CRISTÃ

Resumo

A importância do Atlântico Sul, principalmente em sua área marítima, vem crescendo constantemente nos últimos anos muito por conta da descoberta das áreas de exploração do pré-sal, como outras descobertas de recursos naturais, o que trouxe disputas territoriais de volta à agenda internacional. Tendo isso em vista, o Brasil por haver uma conexão histórica e cultural com os países da região, principalmente os da costa ocidental do continente africano, e por possuir o maior litoral do Atlântico Sul, busca implementar uma agenda de cooperação, que, consequentemente, o daria uma visibilidade internacional maior, dando-o um poder de barganha diante do sistema internacional. Com isso, a importância dessa pesquisa se dá em entender as escolhas feitas pelo Itamaraty em relação aquela área, durante o período do governo do ex-presidente Lula, na qual busca proteger seu ponto estratégico de exploração de materiais fósseis e também local onde o Brasil busca ser influente tanto economicamente quanto politicamente, usando tal local como fonte estratégica de poder. Portanto, se faz necessário entender também a atuação da China no continente africano, com isso, é possível entender quais as maiores dificuldades e principais concorrentes na região, que, em sentido de Cooperação Sul-Sul, seria a China.

Downloads

Publicado

2022-04-05

Como Citar

SILVA, W. C. R. D. . (2022). A ATUAÇÃO DA POLÍTICA EXTERNA BRASILEIRA NO ATLÂNTICO SUL (2003-2010): INTERESSES, CONFLITOS E COOPERAÇÃO COM A ÁFRICA. Portal De Trabalhos Acadêmicos, 6(2). Recuperado de https://revistas.faculdadedamas.edu.br/index.php/academico/article/view/2055

Edição

Seção

RELAÇÕES INTERNACIONAIS