CINEMA COMO ESTRATÉGIA DE POLÍTICA EXTERNA NORTE AMERICANA: OS EFEITOS DO FILME “ALÔ, AMIGOS!” NA POLÍ-TICA DE BOA VIZINHANÇA

Autores

  • MARIANNA FERNANDES BATISTA SILVA FACULDADE DAMAS DA INSTRUÇÃO CRISTÃ

Resumo

O projeto discute a utilização do cinema como instrumento de política externa dos Es-tados Unidos no contexto da Política de Boa Vizinhança (1933-1945). No período de Segunda Guerra Mundial os interesses estadunidenses para com América Latina estavam muito além da solidariedade continental. O cinema, nascido na década de 1930, se caracteriza como um forte aparelho político, capaz de difundir valores e ideologias. O objetivo principal do trabalho é refletir os principais objetivos e os efeitos da expedição da Disney ao Brasil. O estudo analisa como as produções de Walt Disney, em particular o filme “Alô, Amigos” foi utilizado para a aproximação cultural entre os norte-americanos e os brasileiros, e como serviu para o estreita-mento de laços proposto pela Política de Boa Vizinhança. Para isso, são utilizadas como fontes alguns jornais nacionais da época e uma bibliografia ampla

Downloads

Publicado

2022-04-05

Como Citar

SILVA, M. F. B. . (2022). CINEMA COMO ESTRATÉGIA DE POLÍTICA EXTERNA NORTE AMERICANA: OS EFEITOS DO FILME “ALÔ, AMIGOS!” NA POLÍ-TICA DE BOA VIZINHANÇA. Portal De Trabalhos Acadêmicos, 6(2). Recuperado de https://revistas.faculdadedamas.edu.br/index.php/academico/article/view/2042

Edição

Seção

RELAÇÕES INTERNACIONAIS